09/02/2018 | Cultura

Apuração do carnaval bauruense será na quarta-feira de cinzas

Os campeões do carnaval bauruense 2018 serão conhecidos na próxima quarta-feira (14), em apuração que será realizada a partir das 15h, no auditório do Centro Cultural (Avenida Nações Unidas, 8-9).

As cinco escolas de samba e nove blocos carnavalescos desfilarão no sambódromo municipal neste sábado (10), a partir das 20h45, e na segunda-feira (12), a partir das 19h15.

No total, serão 27 jurados avaliando nove quesitos (três jurados por quesito) das escolas de samba e cinco quesitos dos blocos da categoria especial. Todos receberam, com antecedência, o Manual do Jurado com explicações importantes sobre cada quesito e como avaliá-lo, além de participar de uma reunião na Secretaria de Cultura, horas antes do desfile, para orientações finais.

As notas serão recolhidas logo após a passagem da última agremiação de cada noite de desfile, depositadas e lacradas em urna própria, e guardadas pela Polícia Militar. No dia da apuração, a própria Polícia Militar, juntamente com representante da Secretaria de Cultura, transportam as urnas até o Centro Cultural, quando, diante dos representantes das agremiações, funcionários da secretaria as abrem e iniciam a leitura dos votos, quesito a quesito.

A apuração no auditório poderá ser acompanhada por até quatro representantes credenciados das escolas de samba e três dos blocos. Como nos anos anteriores, a secretaria irá amplificar o som em frente ao Centro Cultural para que demais integrantes das agremiações possam acompanhar em tempo real. A pista sentido centro/rodoviária da Avenida Nações Unidas estará interditada para segurança dos presentes.

As premiações dos três primeiros colocados (escolas e blocos categoria especial) serão entregues na sacada do Centro Cultural, além do troféu de participação ao bloco da categoria originalidade.

Relação de jurados por quesito do Carnaval 2018:

BATERIA
1 - Felipe Alves – Formação em Musicalização Infantil e Canto pela Universidade do Sagrado Coração. Estudou violão no Conservatório Bauruense de Música. É integrante da Banda Guirota. Durante 5 anos tocou percussão na Banda Marcial do Liceu Noroeste.
2 - Silvio de Albuquerque Hamilton - Bauruense, baterista e percussionista. Estudou no Conservatório de Tatuí. Ministra aulas no projeto Guri nos Polos Bauru, Marília e Álvaro de Carvalho. Lidera sua banda instrumental Silvinho Trio. Atualmente divide seu tempo em estudos, pesquisas, ensaios, aulas, shows e gravações.
3 – Marcos Carvalho
Músico, compositor, percussionista, toca vários instrumentos. É integrante do Grupo de pagode S3. Há onze anos atua na área musical, participando de eventos, tocando em bares e festas.

HARMONIA
1 – Roberto Vergílio Soares - Pedagogo pela Universidade Paulista, especialista em educação musical. Possui curso de regência pelo Conservatório Musical de Tatuí. É um dos fundadores da Banda Sinfônica Municipal de Bauru, da qual foi regente durante 10 anos. É professor da rede de ensino municipal.
2 - Nair Rosa da Nóbrega - Desde 2010 faz parte da administração do Clube da Viola de Bauru. Dentre suas atividades, como Diretora Artística, é também regente do Coral Sertanejo, com 30 vozes e Coordenadora do Grupo de Catira. Forma dupla sertaneja com seu marido: Zé da Barca e Nair Castro.
3 - Mônica Salete Silva Pereira - Formada em Letras Português – Inglês pela Universidade do Sagrado Coração. Tem experiência em organização de eventos públicos e atendimento. É professora de Português, Inglês e de Técnicas de Redação.

SAMBA-ENREDO
1 - Jotha Luiz - Músico com 30 anos de carreira na área sertaneja e samba com mais de 700 músicas gravadas. A musicalidade é de família, começou com seus pais e hoje seus filhos atuam na música sertaneja. Jotha Luiz compõe também jingles publicitários e políticos, além de músicas para empresas.
2 - Francisco Anísio Ribeiro Silva - Pedagogo e professor técnico de violão, piano e guitarra. Formado em piano e violão pelo Conservatório Jauense de Música. Graduado em pedagogia pela Uninter de Curitiba. Atua em diversas escolas públicas e particulares.
3 – Giovanna Contador - Formada em Educação Musical pela Universidade do Sagrado Coração. Desde 2011 faz parte da Banda e da Orquestra Sinfônica Municipal de Bauru. Estudou no Conservatório de Tatuí. Em 2013 ingressou na Orquestra Sinfônica Jovem de Lins. É líder de naipe da Orquestra Sinfônica Municipal de Bauru desde 2014.

EVOLUÇÃO
1 - Manoel Fernandes - Artista desde a infância desenvolve teatral autoral numa linguagem experimental que une circo, folclore e encantamento. Pioneiro em Bauru ao ter o primeiro espaço cênico independente e descentralizado; autor de 30 textos teatrais e 300 cantigas de teatro em casa. Integra o Ballet Vitória Régia desde 1995.
2 - Odila Cristina Lopes – Formada em Hotelaria e Turismo e Marketing. Já atuou em atendimento, organização personalizada em eventos. Elabora roteiros de viagens e atividades turísticas e culturais. Atualmente é produtora cultural em eventos e colaboradora da revista São Paulo Tem Interior.
3 - André Luiz Petraglia - Mestre pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAU USP; bacharel em Comunicação Visual pela Unesp; designer especializado na criação de marcas, imagem institucional e comunicação empresarial.

COMISSÃO DE FRENTE
1 - Ísis Mendes da Silva - Formada em Educação Física pela FIB, bailarina com formação em balé clássico, formação em jazz, dança contemporânea; Professora de balé clássico e street dance. Já atuou como coreógrafa e figurinista.
2 - Diego Leal – Bacharel em Artes Cênicas pela Universidade Estadual de Londrina. É mestrando no Programa de Pós-graduação em Artes do Corpo pela Unicamp. Foi bolsista do PIBID e Monitor Acadêmico. Foi membro do Núcleo de Dramaturgia, SESI/PR. Trabalhou como agente educacional em arte e cultura na Fundação CASA de Botucatu.
3 - Vanesa Mengui Ochi - Pós-graduanda em Produção Cultural. Produtora Cultural em Artes Cênicas, Música, Artes Visuais; Tecnóloga em Logística; Administradora de empresas; formada em Piano Clássico e Ballet. Coordenadora do Festival de artes cênicas de Bauru. Produtora do Grupo Protótipo Tópico na Circulação do PROAC 2018.

MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA
1 - Milton Café Neto - Trabalhou como radialista e jornalista. Educador de comunicação na Universidade Corporativa do Banco do Brasil desde 2002. Engenheiro formado pela Universidade de Londrina e especialista pela Unesp em Linguagem, Cultura e Mídias. Morou muitos anos na cidade do Rio de Janeiro, sendo expectador assíduo do desfile das Escolas de Samba.
2 - Gutto Soares – Coreógrafo da comissão de frente pela Liga Carnavalesca de Jundiaí; formou-se em avaliação de desfiles carnavalescos pela UESP e Associação de Mestre Sala e Porta Bandeira e Estandartes do Estado de São Paulo. Premiado como passista de ouro. Diretor de arte e recursos humanos na agremiação Caprichosos de Jundiaí; fundador do Grupo de Dança Artística Unidos pelo Samba.
3 - Célia Neves - pedagoga, participou de vários carnavais como jurada da escolha do rei e rainha do carnaval, desfilou em escolas de samba da cidade do Rio de Janeiro e São Paulo, e foi jurada do carnaval de Bauru.

ENREDO
1 - José Carlos Pires Camargo Netto - Autor, ator, poeta e dramaturgo. Participação nos grupos de teatro Cortina Vermelha, Cia Teatral Mandrágora e Na Faixa. Ganhou o prêmio de melhor ator protagonista. Membro do grupo “EP – Expressão Poética”. Voluntário no projeto social de “Superação jovem na sala de leitura”.
2 - Fabiana Ferreira Rocha - Historiadora formada pela USC e pós-graduada em História Cultural. Trabalha na área de museus e foi estagiária no serviço público como monitora educativa, organizadora de eventos culturais e pesquisadora. Premiada em 1.º lugar pelo PoaAC na área de preservação e informatização de acervos. Entusiasta do carnaval.
3 - Adaiane Rodrigues Martins – Formada em Letras pela USC, foi bolsista pela Capes com especialização em Língua Portuguesa e Literatura pela USC. Leciona português na rede estadual de ensino e na privada. Participou de diversos cursos como cultura indígena, sincretismo e religiosidade, fundamentos da arte e estética.

FANTASIA
1 - Alexandre Granai – Trabalha como designer de moda na Maison Desiree, formado em designer gráfico, ministra o curso de modelagem e desenho de moda pelo Senac e é artista plástico.
2 - Rosa Maria Gobbi Fazzan – É profissional da beleza da mulher há 35 anos como esteticista e cabeleireira. Experiência em trabalhos na TV e teatro. Vasto conhecimento em moda visual, dança e música. Apreciadora da arte, cultura e do carnaval.
3 - Drika Valério – Formada em design pelo Instituto de Ensino Superior de Bauru, em Moda e Estilo pelo Senac. Graduada em gestão empresarial e cursou Consultoria de Imagem no Senac.

ALEGORIAS E ADEREÇOS
1 - João Dehon – Formado em Publicidade e Propaganda. Cursou fotografia, iluminação, moda e produção gráfica. É fotógrafo profissional há mais de 20 anos e produtor cultural na cidade de Londrina.
2 - Rose Aparecida da Silva – Licenciada em educação artística com habilitação em artes plásticas. Bacharel em artes visuais. É arte educadora pelo Estado. Especialista em arte educação ambiental, cultura visual e arte urbana conceitual.
3 - José Antonio Garbino – Doutor em Ciências na área de infectologia, médico especialista em neurofisiologia. Iniciou a carreira paralela a médica como artista plástico ilustrando livros técnicos na área da medicina. Desenvolve técnicas de pintura e desenho. Realizou mostras de seus trabalhos na Galeria de Arte Municipal e é autor de vários livros.